Estive contigo ontem e sabes o que sinto desde o momento em que te deixei ir? Saudade.. até mesmo quando passam só minutos ou só umas horas, sinto a tua falta como se não te visse à semanas. Sempre que te tenho por perto, sinto uma felicidade enorme, fico tão certa de mim mesma, sem medos, sem inseguranças. E quando estás desse lado, fico com tanto medo de te perder, de amanhã não estares do meu lado. Eu sei que não passam de filmes, de crises que duram pouco tempo porque logo depois tu tranquilizas-me com as tuas palavras reconfortantes. Mas mesmo assim é horrível quando não te posso ver quando quero, quando não te posso abraçar, nem beijar, e muito menos beliscar. Não estás presente de corpo, mas estás presente de coração e no meu coração.. Estás presente em todos os meus actos, em cada respirar tu estás lá. Tantas vezes, quando eu sinto o teu cheiro, sinto um aperto bem grande no peito porque nesse mesmo instante não te posso agarrar, nem me encostar ao teu peito para ouvir o bater do teu coração e sentir-te só meu, sentir-me protegida. Nesses momentos eu só gostava de chamar por ti, e ver-te a vir ter comigo e tranquilizares-me com um beijo na testa, como fazes sempre e dizeres bem baixinho "estou aqui, nunca te vou deixar minha pequena". Sim a tal frase "nunca te vou deixar minha pequena", nunca mais me vou esquecer disso sabes. Senti o meu corpo arrepiar-se quando ouvi isso, e eu própria senti-me tão feliz, oh, se tu soubesses como foi bom, como me transmitiu paz, segurança. Tu fazes-me sentir assim, tu fazes-me feliz. Quero-te tanto, amo-te tanto! *.*




Sem comentários:

Enviar um comentário