Ontem fizemos sete meses e não consegui escrever-te nada mais elaborado porque o meu estado de espírito não era o apropriado. E tu merecias, afinal já estás do meu lado há sete meses e já me conheces melhor do que ninguém. Merecias e mereces sempre todos os mimos do mundo porque me fazes feliz e sim, estou uma mimada como tu disseste ontem, porque estás sempre a encher-me de abraços, de beijinhos e a fazer sempre tudo por mim. És perfeito interiormente e exteriormente e quem achar o contrário, azar, sou eu que tenho de gostar de ti não é? :)) Já vivemos tanto, passamos por tanto e só de pensar nisso sinto-me tão feliz, sinto-me como se fosse a tua princesa e como se nunca tivesse existido mais nada na vida que me proporcionasse tanta felicidade - e não existiu. Nada se compara ao que sinto por ti, ao que nos une, nem de longe. Por mim acordava todos os dias como no meu dia de aniversário ou então como naquele fim de semana, no domingo, vais-te lembrar, eu sei que sim. Só espero que saibas que depois de ontem não quero mais chatear-me contigo, senti-me tão mal.. Nunca me deixes não meu anjo? Para o próximo mês cá estamos nós para os oito meses *.* e ainda nem falamos disso hoje, mas sabes que dia é amanhã? Dia quatro, e faz precisamente dez meses que nós nos conhecemos nas festas de deão, nos famosos carrinhos de choque e só de pensar até começo a rir sozinha. Quem diria que ia encontrar lá o homem da minha vida, como me disseste ontem também, o tal, aquele que é para toda a vida :)) Ahhh e dia nove está para breve ** Amo-te muito e só mais uma coisa.. és a melhor coisa da minha vida.

Sem comentários:

Enviar um comentário