3 de Agosto de 2012

" Tua boca no meu corpo. Tua língua na minha boca. Tuas mãos na minha pele. Teu corpo no meu. Na emergência de querer sentir-te. "


Sem comentários:

Enviar um comentário