17 de Maio de 2013

De todas as vezes que me apetece desaparecer, és tu quem está ali do meu lado a mostrar-me que a vida é muito mais bonita do que aqueles minutos maus que acontecem várias vezes durante a semana. Que muito em breve vou estar fora daqui e bem perto de ti. Que vai ser do teu lado que vou passar as manhãs, as noites, o início de cada manhã, o fim de cada tarde ou noite e todos os fins de semana. Não sabes como quero que isso aconteça rápido. Do teu lado, é tudo mais fácil. Não preciso de fingir nada. Basta-me ser eu própria, exactamente da forma que tu te apaixonaste por mim. Posso dizer mil e um disparates ou chorar, que tu vais te rir ou abraçar-me, ou não sei. Vais cuidar de mim, seja de que forma for. Tenho tanto orgulho em ti e na relação de amizade, confiança e de amor que construímos. Ter-te é a melhor coisa do mundo. E só quero que tudo isto dure para sempre. Como te perguntei ontem (tu confirmaste), vais continuar a amar-me independentemente de qualquer coisa que me aconteça e assim será se for ao contrário. Amo-te da forma mais sincera que pode existir.

Sem comentários:

Enviar um comentário