7 de Abril de 2013

Nunca me vou esquecer de ti pequeno. Tenho saudades de andar contigo ao colo para todo o lado. A esta altura já devias estar um grandalhão a correr aí de um lado para o outro. Mas acredito que foi melhor assim, ao menos não sofreste mais e tiveste uma vida feliz. E mesmo que sejas, para muitos, um simples gato, para mim eras uma grande companhia, mal chegava a casa ia logo ao quarto para te fazer miminhos e não te largava mais. Nunca me vou esquecer da noite em que te foste embora, o quanto custou ver-te sem vida. Trouxeste-me muita felicidade durante o tempo em que aqui estiveste :')


Sem comentários:

Enviar um comentário